0-nutrindo-sucesso-frota-mercado-organico

O setor de produtos orgânicos se destaca pela qualidade de pessoas envolvidas nessa missão. Dos agricultores aos agentes de distribuição, lojistas e nutricionistas, todos seguem alinhados e trabalhando para gerar saúde e desenvolvimento sustentável para a sociedade. 

Propagar exemplos positivos aumenta nossa coragem de seguir em frente e valoriza quem contribui para o aumento da oferta de alimentos orgânicos. Com esse objetivo em mente que trago como referência o depoimento de Renise Carvalho, do portal Mercado Orgânico, um Marketplace especializado em construir pontes entre produtores orgânicos, indústrias e consumidores.

Essa é a primeira de muitas entrevistas feita com nossos parceiros de varejo e distribuição. Nosso desejo é que depoimentos como esses consigam trazer ideias positivas para seu negócio.

Leia, aproveite o conhecimento e faça sua Boa Colheita.

 


 

Sobre início do projeto, quais foram as motivações para entrar no setor de orgânicos e quais fatores determinaram a escolha por uma plataforma de comércio eletrônicos de orgânicos em vez de uma loja física?

Somos profissionalmente do mercado de tecnologia, e durante anos fomos mantenedores de escola de educação infantil e seguimos a pedagogia Waldorf na educação de nossas filhas. Desse modo, sempre buscamos consumir produtos orgânicos, preocupados com a alimentação e saúde da nossa família e de nossos alunos. Tivemos contato com as dificuldades do mercado de orgânicos desde que adotamos esse hábito de consumo, vimos que muitos produtores estavam longe da capital paulista e haviam poucos pontos na cidade onde se podiam comprar os produtos a preço justo.

 

Assim, identificamos que um dos problemas particulares desse setor está no número de intermediários envolvidos na distribuição e comercialização desses alimentos. Isso acaba sacrificando produtores e consumidores, onde os primeiros vendem aos intermediários a preços muito baixos, e o segundo grupo tem no preço de aquisição as margens de todos os envolvidos no processo de saída do campo até o produto chegar na prateleira. Nesse cenário, também vimos as oscilações na disponibilidade desses produtos mesmo em épocas favoráveis à colheita, a garantia de origem e a rastreabilidade dos alimentos advindos da produção orgânica.

Chegamos à conclusão que um sistema que facilitasse o contato entre o produtor e o consumidor iria trazer grande impacto às relações estabelecidas nesse mercado. Chegamos então no MercadoOrganico.com, um marketplace exclusivo para que produtores possam comercializar seus produtos orgânicos de forma direta ao consumidor. Onde o usuário tem contato não só com os produtos, mas também a história de quem está por trás da produção, fortalecendo a relação produtor-consumidor. Também, ao buscar parceiros com certificação orgânica, garantimos ao usuário que o alimento consumido por ele esteja dentro dos critérios estabelecidos para produção orgânica nacional e internacional.

Para o produtor, nós fornecemos a estrutura logística de armazenamento, entrega e outros serviços que auxiliam na prospecção de clientes. Desse modo facilitamos a capilaridade desses produtores, a fim de torná-los competitivos no mercado tradicional. Os custos dos produtos caem, e o consumidor tem acesso à alimentação orgânica a um preço justo.

 

O mercado de produtos naturais vem crescendo já ha alguns anos, ignorando (de certa forma) os desafios do mercado interno ainda desaquecido. O engajamento do consumidor de orgânicos faz com que o fator preço esteja abaixo dos indicadores de sustentabilidade, aumentando a potência desse cenário. Mesmo assim o projeto Mercado Orgânico sentiu ou vem sentindo alguma oscilação de compra desde então?

A situação econômica do país influenciou o hábito de famílias e consumidores e certamente o setor de orgânicos não ficou imune a essa crise. Ainda assim, vemos um incremento positivo nos resultados da empresa, pois a população brasileira vive um momento de novos valores promovidos por mudanças culturais, ligados principalmente ao acesso à informação. Como consequência vemos a preocupação por uma alimentação saudável, sem a utilização de agrotóxicos, de produtos ligados a sistemas produtivos com menor impacto ambiental e que contribuem para o desenvolvimento econômico e social de produtores familiares. Esse raciocínio passa a ser prioridade de vários novos grupos de consumidores e isso de certa forma tem aliviado o efeito da crise e mantido o mercado em expansão.

2-nutrindo-sucesso-frota-mercado-organico

Como vocês percebem o crescimento do consumo de orgânicos no Brasil e qual a estratégia do Mercado Orgânico para permanecer e crescer nesse cenário?

Dados da EMBRAPA mostram que o mercado consumidor de orgânicos cresce numa taxa de 20% ao ano, enquanto a produção apenas 3% no mesmo intervalo. Esses dados reforçam argumentos relativos ao grande potencial econômico da produção orgânica, por outro lado temos que ter um olhar de atenção sobre a estrutura envolvida para abastecimento da crescente demanda.

O MercadoOganico.com vem crescendo a uma taxa média de 20% ao mês, buscando principalmente adicionar novos serviços, que auxiliem o produtor na comercialização e distribuição de seus produtos orgânicos. Temos como exemplo a expansão de entregas à restaurantes e empresas ligadas ao FoodService e a abrangência de novas regiões geográficas. Damos muita atenção também à diversidade em nosso catálogo. São aproximadamente 2000 itens cadastrados na plataforma, os clientes podem encontrar alimentos para consumo próprio, para seu pet e até cosméticos.

 

Como a Kampo de Ervas contribui para o sucesso de suas vendas?

O Kampo de ervas tem sido um parceiro chave para o MercadoOrganico.com, adicionando uma grande variedade de Ervas, chás e temperos ao nosso catálogo que vem crescentemente sendo mais reconhecido por usuários frequentes da plataforma e novos clientes.

 

Como vocês constroem reputação dentro de um público altamente esclarecido e exigente, como os consumidores de produtos orgânicos?

O consumidor de produtos orgânicos tem como uma de suas caraterísticas a preocupação com a qualidade e origem do seu alimento. Sendo assim, trabalhamos com informação e conteúdo que leve conhecimentos relacionados ao consumo e a produção de orgânicos, e temos muita atenção ao cumprimento de nossa promessa em oferecer conveniência, disponibilidade, rapidez e principalmente respeito aos nossos produtores e consumidores e valorizando nossa oportunidade em fortalecer e contribuir para o desenvolvimento da produção orgânica nacional.

Dario Dal Piaz – Sócio fundador

Renise Carvalho – Sócia

 


 

A Kampo de Ervas agradece à equipe do Mercado Orgânico pela grandeza dos depoimentos.

Adotar processos baseados na generosidade nos aproxima dessa inteligência abundante da natureza. Se você chegou até essa última linha é porque está alinhado a esse valores e possui as condições para uma boa colheita.

 

Grande abraço e até breve.

Equipe Kampo de Ervas