Espinheira Santa

Espinheira Santa

Tags:  espinheira santa cancerosa cancorosa espinheira divina espinhosa maiteno maytenus maytenus ilicifolia úlceras gástricas úlcera duodenal gastrite azia aftas refluxo fermentações colites helliobacter pylori ressaca alcoólica

  

 

Opções de compra de Espinheira Santa

  Qtd. Descrição Preço  
Kit - 3 Espinheira Santa 30g Kit - 3 Espinheira Santa 30g (orgânico)
Chá Fracionado
De R$ 22,80
Por R$20,55
 
Espinheira Santa 30g Espinheira Santa 30g (orgânico)
Chá Fracionado
R$ 7,60  



Nome científico: Maytenus ilicifolia

Família: Celastracea

Sinônimos: Folha santa, divina, espinheira divina, espinheira de Deus, espinho de Deus, pau josé, salva vidas, sombra de vaca, sombra de touro, cancorosa, cancerosa, cancrosa, congorça, marteno

Partes utilizadas: Folhas

Propriedades fitoterápicas:

A espinheira santa é anti-inflamatória, analgésica, cicatrizante e vulnerária.

Ajuda a tratar úlceras estomacais, úlceras duodenais, azia, dores de estômago, gastrite, aftas, refluxo, fermentações gastrointestinais, colites, ressaca alcoólica e combate a bactéria Helicobacter pylori.

Externamente é usada para tratar úlceras e afecções pruriginosas (acne e eczema).

Modo de preparo:

Adicionar 1 xícara (250ml) de água fervente sobre 1 colher de chá (5g) da erva, tampar, deixar em repouso por 5 minutos e coar. Então, estará pronto para ser consumido.

Curiosidades:

A espinheira santa é uma planta arbustiva nativa do sul do Brasil, de até 5m de altura, caule lenhoso, folhas denteadas com espinhos, pequenas flores de cor creme e frutos vermelhos. Sua ocorrência é mais generalizada nos sub-bosques úmidos, nas beiradas de matas de araucária, nos capões e em matas ciliares onde o solo é rico em matéria orgânica, com umidade de média a alta. Em Santa Catarina é encontrada principalmente no planalto e na Mata Atlântica de altitude.

É muito utilizada pelos índios brasileiros e em vários países da América do Sul. Amplamente utilizada pela população, ficou conhecida no meio científico em 1922, quando Dr Aloizio França, da Faculdade de Medicina do Paraná, relatou o sucesso obtido com a planta para o tratamento de úlceras gástricas crônicas.

Contraindicação: Lactantes devem evitar consumir o chá em excesso, pois pode diminuir a produção de leite.


Tags:

espinheira santa, cancerosa, cancorosa, espinheira divina, espinhosa, maiteno, maytenus, maytenus ilicifolia, úlceras gástricas, úlcera duodenal, gastrite, azia, aftas, refluxo, fermentações, colites, helliobacter pylori, ressaca alcoólica.

Em breve

Formas de Pagamento

Facebook



Nossos Dados

KAMPO DE ERVAS INDUSTRIA E COMÉRCIO LTDA - ME

CNPJ: 08.898.383/0001-79

R. Otto Benz, 544 - Nova Ribeirânia - Ribeirão Preto - São Paulo

Horário: Seg. à Sex. 8h às 18h

Carrinho